< What Makes You Beautiful :3
What makes u beautiful :3
1 2 3 4 5
THEME POR REAMEI | + +


“Tudo começa quando você sorri simplesmente por ter feito ela sorrir. A partir daí, você tem duas decisões a tomar: conquistar o coração dela, ou simplesmente ser mais um na vida dela. E quando eu digo só mais um, entenda ao pé da letra: você será só mais um. Ela apenas lembrará de algum momento com você, que virá acompanhado daquela famosa frase “e depois ele sumiu”. Mas, se você resolver investir, aí sim nós temos uma atitude. E elas se apaixonam facilmente pela atitude que você toma. Não por você, mas por ela. Ou até mesmo pelos dois. E ela começa a pensar mais em você. Ela comenta sobre você pras amigas. E as amigas, claro, vão começar a zoá-la falando “ih, gamou!”, e apesar dela negar várias e várias vezes, ela manteve acesa essa pergunta na cabeça: “será?”. Nessa parte, você está no primeiro estágio, o do enigma. Elas adoram um mistério, um segredo, e você pra ela agora é um enigma que ela vai querer a qualquer custo descobrir onde leva. E é aí que você se entrega, rapaz. É aí que ela faz de tudo pra que você se apaixone por ela. E você vai. Entenda, quando uma mulher realmente quer alguma coisa, ela consegue. E a partir do momento que ela perceber que você está tão apaixonado por ela quanto ela está por você, ela fica em êxtase. Esse é o famoso segundo estágio, onde ela já te descobriu, e agora quer aproveitar o quanto puder essa nova descoberta. E você vai correr atrás: vai sentir ciúme, vai ligar pra dar boa noite e vai apresentá-la pra quantos amigos você puder. E é exatamente aí que você vai cometer seu primeiro erro, o de protegê-la de coisas pequenas. Você vai querer a todo custo protegê-la de qualquer coisa que possa afetá-la. Mas você não é a solução dos problemas dela, afinal de contas, ela viveu todos esses anos sem sequer saber da sua existência. Você nunca vai entender isso, mas ela vai interpretar exatamente assim, e a partir do momento que você invadir o espaço dela querendo ajudar, você vai ser deixado de lado pela primeira vez. Sim, meu caro, o famoso lema “pisa que gruda, gruda que pisa” vai te ensinar em duras penas o que o amor faz com você. E então, você vai colocar seu orgulho em alta, e vai ignorá-la, na esperança de que ela se desculpe e peça que você a ajude. Mas elas também são orgulhosas - e muito - e esse momento na verdade nunca chegará. Portanto, não banque o idiota. O máximo que você pode conseguir é que durante esse tempinho de raiva alguém chegue com intenção de te tirar da jogada. Aí, meu amigo, você dança. Mas fique tranquilo, que durante esse estágio, ela só tem olhos pra você. A partir daí, chega o terceiro estágio, o mais ilusório de todos. É quando ela te apresenta para os pais, os parentes mais próximos, e faz com que você se sinta a pessoa mais amada do mundo. Não caia nessa, meu chapa. Conhecer os pais dela só vai te acrescentar amigos no facebook, no máximo. Ela não vai te amar mais por isso - mas pode ser que você ganhe alguns pontos importantes. Observe quanto tempo já se passou - algo em torno de três a quatro meses. Você está completamente apaixonado, e não pensa em outra senão ela. A não ser que não seja verdadeiro - e se não for, o que te motivou a começar? - o que é um dos maiores erros. Mas você está firme e forte, cada vez mais convencido de que se não for ela, não é nenhuma outra. E é exatamente aí que sua mente te machuca. O simples pensamento de vê-la com outro não te corrói por dentro? Não dá uma dor estranha no peito, junto com um sentimento de medo e insegurança? Isso é amor. E a cada dia, você vai querer surpreendê-la de uma forma diferente - afinal, a sua princesa merece todos os mimos reais a disposição dela. Mas é aí que você se perde. Você perde a si mesmo, e a todos que estão a sua volta. Aquele jogaço que você ia assistir com seu amigo é desmarcado, porque tem um churrasco importante onde a família toda dela vai estar. E claro, vai pegar mal se alguém perguntar de você e ela responder que você foi ver futebol com seu amigo. Ou então sua melhor amiga combina algo com você, e em cima da hora você desmarca - não dava pra deixar a princesa sozinha pra encontrar outra mulher, certo? E é aí que você perde sua essência, o seu jeito de ser. Aquele jeitinho esporrento vira algo mais suave, mais calmo. Mas ela se apaixonou pelo esporrento, e por mais que ela reclame, ela te conheceu assim! Se você deixa sua essência de ser por ela, pode ter certeza: você será surpreendido por uma DR onde ela vai te perguntar os motivos de você ter mudado com ela. É rapaz, quarto estágio, o da abdicação de direitos. Óbvio que você não vai naquele churrasco da sua turma, onde a mais safada da sua sala vai estar bêbada e oferecida. Muito menos em alguma festa ou boate sozinho. Mas é aí que você comete mais um erro: ela não te pediu pra abrir mão disso. Porque ela mesma não quer abrir mão disso. E a sua bad trip começa no dia em que você perder a madrugada na internet, só esperando um tweet dela dizendo que chegou bem em casa. Mas uma conversa incisiva resolve esse problema. O problema maior vem quando a sua insegurança te coloca contra ela. Mais um dia sem falar com ela. Doeu, né? Mas o orgulho ficou lá em cima, você mostrou seu valor. Mas, na verdade, você só se mostrou imaturo pra lidar com o fato de que muitos caras vão chegar junto. E então, numa noite onde vocês dois não estão muito bem, alguém chega junto e ela não faz nada. Dá aquele fora que, você como homem, sabe que não é definitivo. E então você fica em estado de fúria, parte pra cima do cara, e pronto - ela vai te ver como um animal. E vai falar que não precisava de nada daquilo que você fez - afinal de contas, ela sabe resolver os próprios problemas. E é nessa quinta parte que você começa a se cansar de empurrar sozinho essa bola de neve. E é aí que você começa a ficar mais ciumento, mais possessivo - mas isso é normal, o tempo desgasta tudo. Junto com o tempo, as discussões idiotas sobre uma olhada indevida ou uma palavra a mais que você disse ajudam muito a trazer aquele sentimento de “eu tô de saco cheio”. E então você evita ela por uma semana, até que ela percebe que sem você, dá pra juntar os cacos e continuar a viver. Mas o problema é que durante essa semana, você só percebe que precisa dela na sua vida pra sempre. Mas aí já é tarde, parceiro. Sua princesa encontrou outro reino - onde ela vai pensar que vai ser rainha, mas vai ser apenas uma criada. Você vai sofrer muito, não vou te enganar. Vai se perguntar a todo momento em qual ponto você errou. E aí você vai descobrir que seu erro aconteceu lá em cima, quando você decidiu investir. E como diz a regra básica da economia, “quanto maiores os riscos, maior o retorno, ou maior o prejuízo”. E é exatamente aí que você descobre que, como qualquer coisa na vida, o amor de hoje em dia se resume em um receber sem dar. E nesse ponto, surge o sexto passo: o passo onde você resolve curtir a vida, depois de uma decepção daquelas. Nada anormal. O simples problema está no fato de que a sociedade em que nós vivemos vai te rotular de galinha. Mas não se preocupe, meu amigo. Ninguém vai entender que você precisou passar por tudo isso pra poder aprender a curtir. Mas é como diz a frase, “apesar de andar com um sorriso no rosto, cada um sabe a dor que leva no peito”.”
Yago Lobo


Há 1 ano · 52.532 notas · reblog
originally titanios · via tiposua
“Eu quero que você saiba, que se você cair, tropeçar, eu te levantarei do chão. Se você perder a fé em si mesmo, eu te darei força pra sair dessa. Me fale que você não vai desistir, pois eu estarei esperando.”
Simple Plan. (via versificar)

j-usticeira asked: seguindo Lobo, Póvoa aqui :3

ta mas e dai

Mentira, segui de volta kk :P